fbpx
 Os parques e jardins de Paris são parte integrante da cidade. Paris é uma das cidades mais verdes da Europa, pois contam com uma quantidade enorme de espaços: os grandes bosques, os jardins espalhados pela cidade, as pracinhas e  jardins secretos, os jardins do museus, …  Enfim, descobrir Paris e sua história inclui planejar os espaços verdes a visitar !
 
Fizemos uma lista abaixo com nossa seleção … Mas que requer muitas viagens ou passeios por Paris para descobrir todo esse patrimônio vegetal !
 

Os grandes bosques de Paris

 

Bois de Boulogne

Este é o bosque parisiense mais frequentado, com ilhotas, lagos e muito espaço para relaxar, fazer piquenique ou praticar esportes. Pulmão da cidade, no lado oeste de Paris, o mais chique de Paris.

 

Bois de Vincennes e a Coulée Verte

A Coulée Verte (cinturão verde) é um parque suspenso construído em cima de uma linha de trem desativada, de 5 quilometros de extensão a partir da Bastilha e que leva até o Bois de Vincennes, o outro grande bosque do leste parisiense, mais alternativo e “bobo” (boêmio burguês …).

 

Os parques de Paris

  

Parque Buttes-Chaumont 

O surpreendente parque nas alturas, que se acompanha com a visita aos canais de Saint-Martin. Para os que já conhecem bem Paris e querem algo mais local e, realmente, único.

 

 

Parque Monceau

O mais familial, tradicional e charmoso. Um oásis. Perfeito para ir com crianças pequenas.

 
 

Parque de la Villette

O mais cultural, com espetáculos e cinema ao ar livre: o mais agitado !

 

Parque Montsouris

Uma pérola escondida…

 

Parque de Saint-Cloud

Este parque fica em Saint-Cloud, no que chamamos a “La Grande Paris”, cujo acesso é complicado sem carro. Uma das mais belas vistas panorâmicas de Paris, num subúrbio chic e um parque cheio de recantos lindos. Vale conhecer.

 
 

 

Os grandes jardins de Paris

 

Jardim do Luxembourg

O imperdível jardim que descreve tão bem o que é a palavra “flaner” em Paris, com suas cadeiras verdes. Um dos melhores pontos para seguir a evolução das flores, do inicio da primavera ao inicio do verão, ou seja de março a junho.

 

 

 

Jardin des Plantes

Mais do que um jardim: uma estufa, um percurso da flora, uma horta … um universo das plantas muito didático, que para os interessados, fornece o nomes em latim de cada planta ou flor.

 

 

Jardim do Palais Royal 

As arcadas mais lindas e os corredores de árvores mais charmosos, puro momentos parisienses.

 

O jardim des Tuileries

A perspectiva e o passeio histórico mais impressionante de Paris, que atravessa séculos.

 

Jardim de Bagatelle

O esplendor das rosas e uma escapada romântica no séc. XVII.

 
 
 
Aproveite para conhecer mais, em nosso artigo:  Bagatelle-e-o-castelo-e-jardim-com-as-mais-lindas-rosas-de-paris
 

 

Jardim Albert Kahn

O mais japonisante, ou seja zen total. Menos conhecido, um pouco longe, mas uma mudança total de ambiente  !

 
 

Jardin d’Acclimation

Um jardim dedicado a crianças que deixa lembranças únicas.

 

Jardim du Champs de Mars

O Palco de muitos eventos comemorativos, sempre ligados à Torre Eiffel. um perfeito lugar de encontros dos parisienses para um piquenique (e, até, um joguinho de futebol entre amigos). Muita champagne ao cair da tarde.

 

As praças de Paris

Place des Vosges 

O conjunto arquitetônico com praça mais bonito de Paris.

Place Dauphine

Certamente a mais bela pracinha de Paris, escondida entre os imóveis mais antigos e valiosos de Paris (um dos m2 quadrados mais caros de Paris), na Île de la Cité. Como diriam os ingleses: a “gem” …

Os Jardins secretos

 

O Panthéon Bouddhique

Um jardim budista, fora do tempo e do espaço, no coração do 8ème arrondissement, no Musée Guimet – Musée National Français d’Arts Asiatiques.

 

O jardim natural do Cemitério do Père Lachaise

Um jardim diferente dos ditos à francesa (planificados e simétricos), totalmente natural , desestruturado, onde o homen ão interfere, nem regando, nem aparando. Nem parece que fica numa cidade.

 

O jardim des Francs-Bourgeois – Rosiers

Jardim escondido em pleno Marais, cercado de lindos “hôtels particuliers”, para uma paradinha gostosa você deve atravessar a Maison de l’Europe na rue des Francs-Bourgeois.

 

O jardim da Clinique St Jean de Dieu

Precisa ser morador do 7ème e se aventurar em uma portinha micro, no meio de um muro espesso, para descobrir que este magnifico jardim existe.  Como diriam os franceses, um “havre de paix”. Depois de fazer muitas compras na rue du Bac ou ir até a Capela da Medalha Milagrosa, virar à direita na rue de Babylone e…. encontrar essa portinha.

 

O jardim do Museu de la Vie Romantique

Este museu se encontra no norte do 9ème arrondissement,  em um enclave chamado “Nouvelle Athènes” , uma região do bairro que foi muito frequentada por artistas e intelectuais do Romantismo: Georges Sand, Victor Hugo, Chopin, Liszt, Delacroix… O Museu é a antiga casa do pintor holandês Ary Scheffer e conta com várias épocas e objetos dessa época. E, claro, um perqueno e charmosos jardim com salão de chá. Para descobrie esse bairro de  SoPi (South Pigalle) e a Nouvelle Athènes, leia nosso guia aqui.

 

O Jardim da Maison de Balzac

Dois em um: visita à casa e museu do célebre escritor francês em Passy e paradinha num pequeno jardim… Ambos (a casa e o jardim) são raros numa cidade cheia de prédios como Paris.

Finalizando, encontramos um papa que ajuda a identificar muitos desses parques, jardins e praças de Paris !

 

Sugerimos que olhem o site oficial de Paris para mais informações, pois a maioria desses parques e jardins são publicos.

www.parisinfo.com/visiter-a-paris/parcs-et-jardins/parcs-jardins-bois

<